Efteling, Países Baixos

10-09-2023

Efteling, o parque de diversões que dá vida aos contos de fadas.

Neste parque de diversões vai encontrar personagens mágicas e montanhas-russas que nos fazem gritar a plenos pulmões. 

Situado em Kaatsheuvel, uma pequena vila no sul dos Países Baixos, foi inaugurado em 1952 e ampliado em 1978, tornando-se no maior parque de atrações do país (e um dos mais antigos da Europa). O Efteling Park nasceu como uma simples Floresta Encantada, com dez histórias infantis. Com o passar do tempo, cresceu e foram aparecendo novas atrações, transformando-se num enorme complexo com montanhas-russas, castelos, carrosséis e diversões de terror ou até com água. Tudo isto inspirado nos contos de fadas, fábulas e lendas que ouvíamos na infância, desde a Branca de Neve ao Capuchinho Vermelho.

A primeira atração construída fora da Floresta Encantada foi o Castelo Assombrado, inaugurado em 1978. Na altura, foi a construção mais cara do complexo e queriam promovê-lo tanto quanto possível. Numa estratégia de marketing, decidiram convidar Kate Bush. A cantora inglesa estreou-se na televisão holandesa num programa que ficou conhecido como o "De Efteling Special" e o parque de diversões serviu de cenário para seis canções do álbum de estreia "The Kick Inside". Foi uma ajuda mútua.

Infelizmente, já não é possível visitar o famoso Castelo Assombrado. Fechou em setembro do ano passado para ser substituído por uma nova atração com o mesmo tema, cuja inauguração está prevista para 2024. 

Por outro lado, a Floresta Encantada continua a ser um dos maiores sucessos do parque. É lá que mora a Rapunzel, o Capucinho Vermelho, a Bela Adormecida e tantas outras personagens que fizeram parte da infância de todos, que voltam a contar estas fábulas de forma interativa e com efeitos especiais. É uma nostálgica viagem ao passado.

Como em cada conto de fadas há reinos diferentes, no Efleting também não podia ser diferente. O parque está dividido em quatro zonas: O Reino das Viagens (Reizerijk), o Reino das Fadas (Marerijk), o Reino da Aventura (Ruigrijk) e o Reino Alternativo (Anderrijk). Tem uma área de 720 mil metros quadrados, seis montanhas russas e mais de 30 atrações.

O Pagode, por exemplo, é um templo tailandês que levanta voo até aos 45 metros e oferece a melhor vista panorâmica do local. Para os que preferem mais adrenalina, podem sempre aventurar-se no Joris en de Draak, uma montanha-russa de madeira que tem um dragão de 12 metros de altura a cuspir "fogo", ou no Python, com vários loops. Com 750 metros de comprimento e 29 de metros de altura, chegou a ser a montanha-russa mais longa da Europa, na época da inauguração, em 1981.

Uma das mais temidas é a Baron 1869 e basta olhar para as fotografias para perceber porquê: tem uma descida vertiginosa de quase 40 metros, com um ângulo de 87,5 graus. A Vogel Rok, por outro lado, é a mais surpreendente. Isto porque é uma montanha-russa completamente às escuras.

O Stoomtrein é o famoso comboio a vapor que percorre todos os reinos, mas não há nada como passear pelas histórias das Mil e Uma Noites num pequeno barco, na Fata Morgana. Outra atração imperdível é a Villa Volta, uma espécie de casa louca que transmite a ilusão de girar sobre si mesmo e que baralha os sentidos de quem lá entra.

Nos dias de maior calor, pode sempre aproveitar para andar na Piraña, um circuito de rafting que leva os visitantes a descer um rio (com alguma turbulência e cascatas de água). Há ainda espetáculos a decorrer ao longo do dia, cuja programação pode consultar online. Assim que anoitece, há uma demonstração de luzes no lago durante cerca de 10 minutos, para terminar o passeio da melhor maneira.